Todos os horários

História das Palavras: VIGARISTA

Vigarista é um dos termos mais populares para definir uma pessoa trapaceira, que se aproveita da boa-fé de uma vítima para enganá-la. A origem da palavra vem da expressão conto do vigário.

 

Mas o que o vigário tem a ver com história? O etimólogo Antenor Nascentes definiu esse tipo de golpe como uma modalidade de furto na qual o ladrão conta à futura vítima uma história complicada envolvendo uma grande quantidade de dinheiro (originalmente entregue pelo vigário de sua freguesia), quantia esta que ele deseja deixar provisoriamente com uma pessoa honesta em troca de algum dinheiro miúdo de que precisa no momento.

 

Logo, a expressão conto do vigário passou a ser sinônimo de todo tipo de golpe no qual um criminoso explora a ingenuidade ou a ganância das vítimas para extorquir dinheiro. Não demorou muito tempo para que golpistas passassem a ser chamados de vigaristas.

 

E quanto à origem da palavra vigário? Na Igreja Católica, o vigário é um padre ou outro membro o clero que substitui ou auxilia alguém superior na hierarquia em suas funções. A palavra vem do latim vicarius, que significa aquele que substitui ou o representante de outra pessoa.