Todos os horários
Ta Na História

Você sabia da importância do carnaval brasileiro na vida e obra do Manet?

Por Thiago Gomide do Tá na História, em parceria com o Catraca Livre.

Parceria HISTORY, Ta Na História e Catraca Livre

Com 17 anos, Édouard Manet parecia não acreditar no que estava vendo e vivendo. A turma pulava, ria, comprava frutas. O cenário era colorido e a temperatura bem diferente da sua França.

Estamos no carnaval de 1849. Rio de Janeiro.

As pessoas fantasiadas e até o costume de tacar limões na cabeça dos outros entraram em um diário de bordo do futuro famoso pintor.

Em relação à essa situação dos limões, ele chegou a chorar as pitangas para a mãe, dizendo que tinha levado umas frutas na cabeça – e tinha revidado.

Aquele carnaval, na opinião do próprio pintor, mudaria a forma dele enxergar o mundo. Nossas cores estimulariam o pai do impressionismo.

Aperte o play pra saber mais desse marcante carnaval. Aproveite e conta o seu carnaval inesquecível.

10 anos depois de voltar dessa incrível viagem, Manet expôs a tela “O bebedor de Absinto” e chocou a crítica francesa. Fez sucesso com o passar do tempo, inspirando uma legião de novos pintores.

Quem vai ao museu D´Orsay, em Paris, encontra com destaque a obra do rapaz que levou limões na cabeça no carnaval carioca.

Recentemente, no circuito Rio-SP, uma exposição de impressionistas levou quase 1 milhão de brasileiros ao encontro de quadros de diversos artistas, entre eles do pintor que teve seu traço influenciado pela gente.

;)

Se você tiver alguma sugestão de história super bacana, me envia no [email protected]

Até semana que vem!

 


 

THIAGO GOMIDE é jornalista e pesquisador. Foi apresentador e editor do Canal Futura e da MultiRio, ambos dedicados à educação. Escreveu e dirigiu o documentário "O Acre em uma mesa de negociação". Além de ser o responsável pelo conteúdo do Tá na História, atualmente edita e apresenta o programa A Rede, na Rádio Roquette Pinto ( 94,1 FM - RJ). 

A proposta do Tá na História é oferecer conteúdos que promovam conhecimento sobre personagens e fatos históricos, principalmente do Brasil. Tudo isso, claro, com bom humor e muita curiosidade.