holocausto

Ossadas de mais de 700 judeus mortos pelos nazistas são encontradas na Bielorrússia

Uma terrível descoberta aconteceu por acaso em um canteiro de obras na Bielorrússia. Ossos de centenas de judeus foram encontrados em uma vala comum na cidade de Brest, perto da fronteira com a Polônia. Durante a Segunda Guerra Mundial, o local abrigava um gueto onde vivia a população judaica na época da ocupação nazista.

Vídeo relacionado:

Agora, soldados trabalham na exumação das ossadas. Ao menos 750 corpos já foram encontrados no local. Boa parte deles apresenta marcas de balas, indicando que as vítimas foram executadas com tiros na região da nuca. 

Todo o território onde hoje fica a Bielorrússia foi ocupado pelos nazistas entre 1941 e 1944. Estima-se que 800 mil judeus foram mortos durante o Holocausto no país. Ao final da guerra, a nação voltou a fazer parte da União Soviética.

De acordo com pesquisadores, além dos massacres, o regime nazista deportou cerca de 380 mil judeus para a Alemanha como mão-de-obra escrava. As autoridades bielorrussas pretendem enterrar os restos mortais das vítimas durante uma cerimônia no norte da cidade de Brest, que fazia parte da Polônia antes da Segunda Guerra. 


Fonte: The Independent

Imagem: German Federal Archives, via Wikimedia Commons