Todos os horários
NOSSA GUERRA MUNDIAL

O cachorro herói que salvou incontáveis vidas na Primeira Guerra

Um cachorro pode ser considerado um herói da Primeira Guerra por sua bravura no campo de batalha para entregar uma mensagem que salvou muitas vidas.

O cão salvador, curiosamente chamado de Satã, defendeu as tropas francesas contra os alemães na batalha de Verdun. Ele recebeu a perigosa tarefa de entregar uma mensagem a soldados sitiados sob pesado ataque dos alemães.

A mensagem levava o seguinte recado: "Pelo amor de Deus segurem aí. Nós vamos aliviar vocês amanhã. "

Satã partiu com uma máscara de gás no focinho, duas cestas contendo pombos-correio e um tubo de bronze, preso na sua coleira, onde levava a mensagem aos homens desesperados.

Cachorro atingido

Satã usou todo o seu treinamento de guerra e saiu correndo pelo campo de batalha, em ziguezague, para fugir das balas dos alemães. Isso não impediu o cachorro de ser atingido na pata dianteira direita. Os soldados franceses que o seguiam de longe viram o cão tombando, mas estavam presos nas trincheiras.

Duvalle, um soldado francês que treinou Satã, também seguia o cachorro. Ele deixou sua trincheira e deu um grito encorajador para o cão. Ao ouvir a voz amiga, o animal se levantou a continuou fielmente sua missão. Duvalle, infelizmente, foi atingido por franco-atiradores alemães e morreu.

Sempre em frente 

Satã chegou à sua missão e entregou a importante mensagem. O capitão, agradecido e aliviado, escreveu as coordenadas da localização alemã. O capitão fez uma segunda cópia da mensagem e colocou cada uma nos pombos trazidos pelo cachorro. Em seguida, as aves foram liberadas. Os alemães já estavam esperando os pombos e, imediatamente, mataram um deles. O segundo pássaro conseguiu retornar para os franceses.

Verdun

Horas depois, o exército francês conseguiu derrotar os alemães, dando fim à sangrenta batalha. Verdun foi uma das muitas batalhas da Primeira Guerra Mundial em que foram usados cães treinados. Mais de 50 mil animais lutaram bravamente, levando mensagens, transportando munição e guardando trincheiras.

E o Satã?

Sobre Satã, não se sabe que aconteceu com ele. Há rumores de que morreu assim que completou sua missão ou até mesmo que se aposentou como um herói de guerra. A única certeza é que sua coragem jamais será esquecida.




Fonte e imagem: War History Online