Todos os horários
A ARCA DE NOÉ

Manuscritos do Mar Morto revelam forma diferente da Arca de Noé

A Arca de Noé seria bem diferente do que nós imaginamos, de acordo com uma importante descoberta a partir dos Manuscritos do Mar Morto

Uma pesquisa de quatro anos do projeto Leon Levy Dead Sea Scrolls Digital Library, que utilizou uma tecnologia inovadora de visualização, desenvolvida pela NASA, permitiu ver detalhes nunca antes notados nesses papiros, descobertos em 1947, em Qumran, em Israel. Os pesquisadores encontraram uma referência particular à Arca de Noé que, segundo os papiros, teria uma forma piramidal.

A descoberta se baseia em um parágrafo denominado “extensão da arca”, que inclui a palavra “ne’esefet”, que, por sua vez, significa “fechado”. Isso fez com que os pesquisadores deduzissem que os suportes da arca “se fechavam” na parte superior. O que significa que a parte inferior era muito larga e a superior, onde se juntavam as placas estruturais, estreita e pontiaguda – ou seja, em forma de pirâmide.

Entre outras descobertas importantes, que foram apresentadas recentemente em um simpósio internacional, está uma passagem que sugere que o perdão divino poderá ser alcançado através de um pagamento monetário.

A digitalização dos manuscritos ainda não terminou, por isso existe a expectativa que apareçam revelações novas e surpreendentes.


 


Fonte: Haaretz

Imagem: Israel Antiquities Authority