Todos os horários
Ta Na História

Henry Brown: o escravo que se enviou pelos correios e conseguiu a liberdade

Por Thiago Gomide do Tá na História

 

Parceria HISTORY e Tá Na História

 

Imagine uma cena: o amor da sua vida, junto de seus filhos, indo embora. Para um lugar distante. Contra a sua vontade. Contra a vontade deles. 

Foi isso que aconteceu com Henry Brown em 1848, no Estado da Virgínia, Estados Unidos. 

Ele e sua companheira, Nancy, eram pessoas escravizadas, sujeitas a serem vendidas.

Grávida, Nancy foi negociada. O destino? Carolina do Norte. 

Era uma separação definitiva. Costumava ser. A cena do amor da vida aconteceu com Henry Brown.  

O escravo implorou para que o dono não fizesse isso. Evidente que não surtiu efeito. 

A partir desse instante, Brown arquitetaria um dos mais impressionantes planos de fuga da história. 

Com a ajuda de um amigo, ele ousaria: dentro de uma caixa de correios, buscaria a liberdade em um Estado onde a escravidão não era mais permitida. 

Filadélfia seria seu destino. 

É evidente que ele conseguiu. Zero spoiler. 

O bacana é saber como e as consequências disso. Consequências pesadas, pode crer. 

Aperta o play pra ter todos os detalhes.

A escravidão nos Estados Unidos foi abolida em todos os Estados em 1863.

Brown, com medo de ser devolvido ao antigo dono, meteu o pé pra Inglaterra e formou uma nova família. Sua segunda esposa era atriz.   

Nessa nova etapa da vida, Henry Brown se dedicou a arte, trabalhando como mágico.

Ele morreu em 1897, no Canadá.

 Infelizmente não há registros confiáveis sobre o destino de Nancy e dos herdeiros.

O canal no YouTube está lotado de curiosidades históricas. Entra lá e se inscreva.

 ;)

Pra entrar em contato, o e-mail é [email protected]

 


 

THIAGO GOMIDE é jornalista e pesquisador. Foi apresentador e editor do Canal Futura e da MultiRio, ambos dedicados à educação. Escreveu e dirigiu o documentário "O Acre em uma mesa de negociação". Além de ser o responsável pelo conteúdo do Tá na História, atualmente edita e apresenta o programa A Rede, na Rádio Roquette Pinto ( 94,1 FM - RJ). 

A proposta do Tá na História é oferecer conteúdos que promovam conhecimento sobre personagens e fatos históricos, principalmente do Brasil. Tudo isso, claro, com bom humor e muita curiosidade. 

 

Imagem: Samuel W. Rowse / Wikimedia Commons