Todos os horários
JESUS CRISTO

Estudo confirma que Sudário de Turim contém sangue de mártir

Susbtâncias identificadas no estudo revelam sinais de tortura e morte violenta. 

Vídeo relacionado:
Os resultados de um estudo publicado pela prestigiada revista PLOS ONE revelam que o lendário Sudário de Turim contém o sangue de uma pessoa que foi previamente submetida à tortura, o que sustenta a teoria de que a peça teria coberto o corpo de Jesus Cristo.

Os autores afirmam que o sangue do sudário possui níveis altos de creatinina e ferritina, nanopartículas presentes em pessoas que sofreram um trauma grave. Elvio Carlino, um dos pesquisadores, enfatiza a evidência de um “grande sofrimento” e diz que a vítima foi “coberta por uma mortalha”.

Enquanto isso, Giulio Fanti, coautor do estudo, afirma que “a presença dessas nanopartículas biológicas evidenciam que o homem coberto pelo Sudário de Turim teve uma morte violenta”, reiterando a hipótese de que, de fato, o Santo Sudário teria coberto o corpo de Cristo martirizado.

O Sudário de Turim é uma peça de linho de quase 4 metros de comprimento e 1 metro de largura que mostra a imagem de um homem com feridas típicas da crucificação. Por anos, discutiu-se a autenticidade da peça – alguns afirmam que pertenceu a Cristo e outros a consideram uma fraude.


Fonte: Infobae

Imagem: Wikipedia Commons