Todos os horários
EXTRATERRESTRES

Encontradas bactérias super resistentes na Estação Espacial Internacional

Há pouco mais de três anos, uma série de bactérias foi encontrada após a colocação de um revestimento especial na superfície da Estação Espacial Internacional (EEI). Elas foram, então, submetidas a diversos experimentos, graças aos quais foi possível concluir que os micro-organismos possuem capacidades de resistência impressionantes, podendo sobreviver por longos meses no espaço sideral, expostas a temperaturas que variam de -150° a 150°C.

Vídeo relacionado:

O astronauta russo Antón Shkaplerov, que prepara sua terceira estadia na estação, afirmou à agência espacial TASS que não há nenhuma evidência que sugira que esses micro-organismos representem algum perigo para a vida na Terra. Porém, sua análise poderá fornecer informações valiosas sobre a vida em ambientes de grande adversidade.

Além disso, após analisar a superfície da EEI, foi possível confirmar que, lá, vivem bactérias de origem terrestre. O fenômeno obedeceria à elevação da ionosfera, que poderia ser de 400 quilômetros de altitude, muitos mais que os 20 quilômetros considerados pelos cientistas atualmente.


Fonte: RT