Todos os horários
INCAS

Descoberta em Machu Picchu sugere que alguém esteve lá antes dos Incas

Pinturas rupestres encontradas próximas a Machu Picchu, feitas antes da chegada dos incas, poderão mudar a história do mítico lugar.

Os desenhos foram encontrados no último mês, em um afloramento rochoso chamado Pachamama, que fica a 100 metros da famosa "cidade perdida dos incas". Pesquisadores do Parque Nacional de Machu Picchu encontraram pinturas rupestres relacionadas ao período anterior do surgimento da civilização inca. Pachamama é uma divindade máxima dos Andres, considerada uma deusa-mãe.

Uma das pinturas, feita em preto e ocre, representa um homem que carrega uma chama e outro elemento geométrico ainda não identificado. “A descoberta de pinturas rupestres pré-incaicas no Santuário Histórico de Machu Picchu, em Cusco, poderá mudar a história que conhecemos sobre o lugar”, contou o responsável pelo programa de pesquisas locais, José Bastante, que disse que os padrões do desenho não correspondem à pictografia inca. O pesquisador afirmou que estudos irão comprovar a legitimidade dessas obras, por isso, a área ficará fechada.

No mesmo local, em 1912, foram descobertos quatro túmulos pela segunda expedição peruana da Universidade de Yale, sob a direção de Hiram Bingham. Desde sempre, as imagens rupestres estavam ali e não haviam sido notadas por ninguém.

A civilização inca sugiu no século XIII e resistiu até a chegada dos espanhóis à América. Seu último imperador foi Atahualpa, morto pelos conquistadores em 1533.




Fonte: El Comercio

Imagem: Anton_Ivanov/Shutterstock.com