Todos os horários
robótica

Cientistas desenvolvem baratas-robô capazes de funcionar embaixo d’água

Baratas são capazes de ficar submersas por até meia hora. Agora, pesquisadores da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, criaram uma versão robótica do inseto com um desempenho ainda melhor. A barata-robô pode andar sobre as águas e em superfícies secas, além de funcionar embaixo d'água.

A tecnologia poderá ser usada futuramente em situações de resgate.  Se uma edificação desmoronasse, baratas-robôs poderiam ser enviadas para buscar sobreviventes entre os escombros.  O equipamento poderia fazer buscas até mesmo em regiões alagadas. "Estamos entusiasmados e interessados na comercialização dessa tecnologia, pois ela possui potencial para muitas aplicações práticas", disse Kevin Chen, pesquisador da universidade.

O robô se sustenta sobre a água por meio de um efeito físico chamado tensão superficial. Quando o minúsculo equipamento afunda ligeiramente, causa uma pequena deformação da superfície aquática, suficiente para gerar uma força em sentido contrário que sustenta o peso do robô. 

Agora, os cientistas querem aprimorar ainda mais os pequenos robôs. A ideia é que eles sejam capazes de carregar mais peso e que ganhem novas funcionalidades, como a capacidade de escalar e pular. Estima-se que o projeto demore entre cinco e dez anos até que esteja concluído.


 Fonte: The Harvard Gazette e WFMJ

Imagem: Yufeng Chen, Neel Doshi e Benjamin Goldberg/Universidade de Harvard