CIENCIA

Cientistas descobrem que cerveja pode prevenir o Alzheimer

Estudos concluem que a cerveja ajuda a prevenir o Alzheimer, embora ainda não se saiba como isso acontece exatamente ou qual seria a dose necessária.

Se os apreciadores da bebida estavam esperando uma boa desculpa para tomar cerveja nos fins de semana, a ciência respondeu às suas preces: segundo um estudo realizado por pesquisadores suecos e finlandeses, existe uma relação entre a concentração de beta-amiloides no cérebro (moléculas associadas ao Alzheimer) e o consumo da "gelada".

Para chegar a essa conclusão, foram estudados 125 homens mortos entre 25 e 70 anos, sua predisposição genética para o desenvolvimento do Alzheimer e seus costumes na ingestão de álcool.

O estudo revelou que a concentração de moléculas aumentava com a idade, porém em menor medida quando se tratava de homens que tinham como costume beber cerveja. Esse mesmo fenômeno não foi verificado em homens que tinham como costume ingerir outro tipo de bebida alcoólica.

Vale também esclarecer que não foi possível determinar a ingestão recomendável de cerveja para que o efeito seja garantido, já que também não foi possível revelar como o processo se dá exatamente.

 


Fonte: Popular Science

Imagem: Nobuhiro Asada/Shutterstock.com