Todos os horários
REIS E FARAÓS

Câmara de celebrações do faraó Ramsés II é descoberta no Egito

Uma equipe de arqueólogos da Universidade Ain Shams, da cidade do Cairo, no Egito, descobriu a base de uma câmara cerimonial do faraó Ramsés II nas ruínas do bairro árabe de Matariya. Durante seu reinado, a região correspondia à cidade de Heliópolis, uma das capitais do antigo país.

Vídeo relacionado:

A descoberta aconteceu durante obras de perfuração efetuadas em março de 2018, de acordo com um comunicado divulgado pelo Conselho Supremo de Antiguidades do Egito. Desde então, foi achado um conjunto de portas, paredes e instalações no local. 

O pesquisador responsável pela expedição, professor Mamduh al Damati, afirmou que ficou impressionado com a singularidade do salão real, salientando que não há outro igual que remonte ao período histórico do Novo Império do Egito. Segundo o especialista, a câmara era utilizada para celebrações reais, possivelmente não só durante o reino de Ramsés II, mas também de vários de seus sucessores.

Os arqueólogos encontraram no local um cartucho (símbolo onde se escrevia o nome de um rei) do faraó Ramsés III, que se remontaria às dinastias XIX e XX, que governaram o Egito nos séculos XIII-XII antes de Cristo. Entre outros achados de importância também se destaca um grande recipiente de cerâmica. Os pesquisadores acreditam que o objeto poderia ter servido para abastecer de trigo o templo próximo de Rá, após o fim da época de Ramsés. 


 Fonte: Newsweek

Imagem: Ministério das Antiguidades do Egito/Reprodução