CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Astrofísica brasileira recebe importante prêmio internacional

A astrofísica brasileira Marcelle Soares-Santos recebeu um dos mais importantes prêmios destinados a cientistas iniciantes. A pesquisadora conquistou uma bolsa de estudos concedida pela prestigiosa Fundação Alfred P. Sloan, nos Estados Unidos. No passado, 47 ganhadores do Prêmio Nobel receberam a mesma honraria quando eram jovens pesquisadores.

Vídeo relacionado:

Os ganhadores recebem uma bolsa de dois anos, além de 70 mil dólares para continuar suas pesquisas. Marcelle estuda a natureza da expansão acelerada do universo, usando dados de alguns dos telescópios mais poderosos já construídos. Atualmente, ela é professora-assistente de física na Universidade Brandeis, nos Estados Unidos. 

"É uma honra receber a Bolsa de Pesquisa Sloan", disse Marcelle, de 36 anos. "Estar ao lado de pessoas que se destacaram e foram reconhecidas ao longo dos anos é o que me deixa mais orgulhosa com esse prêmio". Adam F. Falk, presidente da Fundação Alfred P. Sloan, descreveu os bolsistas como "os melhores jovens cientistas trabalhando atualmente". "Ser um bolsista da Sloan é estar na vanguarda da ciência do século XXI", afirmou.

Nascida em Vitória, Marcelle graduou-se em física na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e fez mestrado e doutorado em astronomia na Universidade de São Paulo (USP).  A cientista também é coordenadora de uma equipe no Fermilab, um renomado centro de pesquisa em física de partículas. 


Fontes: Universidade Brandeis, SIMI e FAPESP 

Imagem: Mike Lovett/Universidade Brandeis/Reprodução