Todos os horários
HUMANIDADE

3 modas bem perigosas e esquisitas do passado

Torça para que esses estranhos hábitos não voltem à moda! 

Vídeo relacionado:
Cada época conserva suas próprias modas, rituais estéticos ou comportamentais, e que acabam se tornando um hábito na sociedade. Vistos de fora, muitos podem parecer ridículos e até mesmo assustadores. Conheça alguns:

 

Pilca Polonesa

Pilca Polonesa -  Museu da História da Medicina, Krakóvia


Na Polônia foi popularizado, durante a Idade Média até o início do século XVII, o uso da pilca polonesa. A pilca era uma espécie de dreadlocks muito densos (repare na imagem acima), que eram obtidos deixando crescer uma porção do cabelo sem pentear nem lavar por meses ou anos. Quem defendia essa prática acreditava que seu uso facilitava que as infecções saíssem do corpo. Na verdade, a trança era por si só um foco de sujeira e bactérias.

 

Arsênico

Na Estíria, região do sul da Áustria, os camponeses consumiam arsênico e defendiam suas propriedades estimulantes e fortalecedoras. Começava-se com pequenas doses do poderoso veneno, até fazer com que o corpo se acostumasse a quantidades que seriam mortais para um organismo não habituado.

 

Cicatrizes

As cicatrizes de duelo ficaram na moda na Alemanha desde meados do século XIX até o início do século XX. Os jovens que eram feridos durante um duelo de espadas jogavam sal em suas lesões para provocar uma cicatriz visível. Outros, menos aventureiros, adquiriam suas cicatrizes em uma consulta médica.


Fonte: Super Curioso
Imagem: Shutterstock