Hoje na história

11.fev.1990

Nelson Mandela é libertado da prisão

Após quase 30 anos atrás das grades, o líder sul-africano Nelson Mandela era libertado da prisão em um dia como este, no ano de 1990. Ele foi preso no dia 5 de agosto de 1962 por sair da África do Sul sem passaporte. Enquanto Mandela estava preso, no ano seguinte, a polícia invadiu seu antigo esconderijo e apreendeu papéis e anotações comprometedoras. Em 1964, Mandela foi submetido a um novo julgamento, com acusações mais graves por conta de sua luta política, e foi condenado à prisão perpétua. Acabou enviado à prisão da Ilha Robben, onde ocupou a cela com número 466/64. Ficou isolado do mundo, sem acesso às notícias ou visitas frequentes.

Em 1982, foi transferido, junto a outros companheiros, para a Prisão de Pollsmor, de segurança máxima. Seis anos depois, foi novamente transferido, agora para um local de segurança mínima - a Prisão de Victor Verster, onde passou a morar numa casa no complexo penitenciário. Quatro anos depois, ele era eleito presidente da África do Sul.

Nascido em 18 de julho de 1918 em Mvezo, na África do Sul, Mandela presidiu a África do Sul, entre 1994 e 1999, e foi vencedor do Prêmio Nobel da Paz em 1993. Mandela representou a luta contra o Apartheid, sistema racista oficializado em 1948. Com formação acadêmica em Direito, ele prestou ao longo da sua vida serviços à humanidade e defendeu os direitos humanos. Ele morreu no dia 5 de dezembro de 2013, em Johanesburgo, na África do Sul, vítima de problemas pulmonares contra os quais estava lutando havia muito tempo.

Clique aqui e saiba mais sobre a história de Nelson Mandela


 

Imagem: South Africa The Good News / www.sagoodnews.co.za [CC BY 2.0], via Wikimedia Commons