Hoje na história

15.out.1993

Nelson Mandela e F.W. de Klerk ganham o Prêmio Nobel da Paz

Em um dia como este, em 1993, Nelson Mandela e Frederik Willem de Klerk eram agraciados com o prêmio Nobel da Paz pelos seus esforços para acabar com o apartheid na África do Sul. A luta de Mandela rendeu ainda outras distinções internacionais incluindo a Ordem de St. John, concedida pela rainha Elizabeth II e a Medalha presidencial da Liberdade, entregue pelo presidente George Bush, dos EUA. Além disso, foi premiado pela Anistia Internacional com o prêmio Embaixador de Consciência (2006).
 
Com formação acadêmica em Direito, Mandela dedicou boa parte de sua vida a causas humanitárias e defesa dos direitos humanos. Quando jovem, defendia a resistência não violenta. Foi julgado por traição, fugiu da polícia e recebeu a pena de prisão perpétua, que resultou no seu encarceramento por 25 anos. Deixou a cadeia apenas em 1990, para depois então tornar-se o presidente da África do Sul, em 1994, e conduzir uma política de igualdade e democracia no país.
 
O sul-africano Frederik Willem de Klerk foi presidente da África do Sul (1989 a 1994) e responsável por tirar Mandela da prisão. De Klerk é conhecido por terminar com a política de segregação racial no país. Em 1994, Nelson Mandela se tornaria presidente do país, com De Klerk como vice. Três anos depois, de Klerk decidiu abandonar a vida política.
 

Clique aqui e saiba mais sobre a história de Nelson Mandela

 


 

Imagem: South Africa The Good News / www.sagoodnews.co.za [CC BY 2.0], via Wikimedia Commons