Hoje na história

07.Oct.1849

Morre o escritor norte-americano Edgar Allan Poe

No dia 7 de outubro de 1849 morria, em Baltimore (EUA), Edgar Allan Poe, autor, poeta, editor e crítico literário que fez parte do movimento romântico norte-americano. As obras mais conhecidas dele são góticas, com temas recorrentes que lidam sobre a morte e temas macabros. Ele é considerado um dos pioneiros da literatura de horror.

Nascido no dia 19 de janeiro de 1809, em Boston, ficou órfão de mãe, que morreu pouco depois de seu pai abandonar a família. Foi acolhido por Francis Allan e o seu marido John Allan, de Richmond, Virginia, mas nunca foi formalmente adotado. Sua carreira começou com a publicação de uma coleção anônima de poemas, Tamerlane and Other Poems (1827). Poe mudou seu foco para a prosa e passou os próximos anos trabalhando para revistas e jornais, tornando-se conhecido por seu próprio estilo de crítica literária. Em janeiro de 1845, publicou o poema "O Corvo", um sucesso instantâneo.

 

"Não há beleza rara sem algo de estranho nas proporções."
"Não é no conhecimento que está a felicidade, mas na aquisição dele."

 

Sua esposa morreu de tuberculose dois anos após a publicação. Pouco tempo após, em 1949, o escritor morreu aos 40 anos. A causa de sua morte é desconhecida e foi por diversas vezes atribuída ao álcool, cólera, drogas, doenças do coração, raiva, suicídio ou tuberculose.

 


Imagem: George C. Gilchrest, Samuel P. Howes, James M. Pearson, or Andrew J. Simpson, all of Lowell, MA [Domínio público], via Wikimedia Commons