Hoje na história

15.Maio.1987

Lançada a Polyus, protótipo russo de uma plataforma orbital de ataque

A nave espacial Polyus, lançada no dia 15 de maio de 1987, foi um protótipo de plataforma orbital de ataque do governo russo. Lançada do Cosmódromo de Baikonur, no Casaquistão, seu objetivo seria o de destruir satélites SDI, do governo norte-americano, que também tinha a concepção de formar uma plataforma de defesa orbital. Na teoria, a Polyus usaria um laser de dióxido de carbono para destruir seus alvos.

A nave possuía um bloco de carga funcional da nave espacial TKS para controlar sua órbita e que poderia disparar contra alvos de teste para demonstrar o sistema de controle de fogo.

O projeto, no entanto, ficou no papel. No dia do seu lançamento, a Polyus não conseguiu atingir a órbita terrestre. De acordo com Yuri Kornilov, um dos encarregados da missão, pouco antes do lançamento da Polyus, o então presidente russo Mikhail Gorbachev visitou o Cosmódromo de Baikonur e proibiu expressamente os testes em órbita da nave. Kornilov afirma que Gorbachev estava preocupado com que a atividade russa para a criação de uma arma espacial fosse detectada por governos ocidentais, algo que iria contra as declarações anteriores da intenção pacífica da URSS.