Hoje na história

31.jul.2007

Fidel Castro anuncia saída do poder após 49 anos como presidente de Cuba

Na noite de 31 de julho de 2007, o presidente cubano Fidel Castro surpreendeu o mundo com o anúncio de que estava passando o poder ao irmão Raúl, em caráter provisório, por conta de problemas de saúde. A renúncia oficial aconteceu no dia 2 de fevereiro do ano seguinte, assinalando o fim de um período de 49 anos no poder e também o adeus do último líder histórico do comunismo. Fidel Castro, que nunca foi eleito por eleições diretas, proibiu a existência de partidos de oposição e manteve a imprensa sob seu controle em Cuba. Apesar das controvérsias em relação à liberdade civil no país, seu governo alcançou altos índices de desenvolvimento humano e social, como por exemplo a baixa taxa de mortalidade infantil, erradicação da desnutrição infantil e do analfabetismo.

 


Imagem: Antônio Milena/ABr [CC BY 3.0 br], via Wikimedia Commons