Hoje na história

15.jul.1988

“Duro de Matar” estreia e faz de Bruce Willis uma estrela de cinema

Neste dia em 1988, “Duro de Matar” estreou nos cinemas, estrelado por Bruce Willis no papel do sarcástico policial John McClane. O filme foi um estrondoso sucesso de bilheteria, transformou Willis em uma estrela de cinema e rendeu três sequências.

Baseado no livro “Nothing Lasts Forever”, de Roderick Thorp, “Duro de Matar” começa com McClane indo atrás de sua esposa em uma festa em um prédio de escritórios em Los Angeles para se reconciliar com ela. Quando o edifício é tomado por um grupo de terroristas liderado por Hans Gruber (Alan Rickman), McClane tem que enfrentar os vilões sozinho. Na interpretação de Willis, McClane se notabilizou como um novo tipo de herói, engraçado e imperfeito. O filme, que foi dirigido por John McTiernan (“A Caçada ao Outubro Vermelho”, “Último Grande Herói”), foi indicado ao Oscar em quatro categorias técnicas.

Willis, que nasceu em 19 de março de 1955, já era conhecido por ter estrelado a série de TV “A Gata e o Rato” (1985-1989), na qual vivia o detetive particular David Addison, que fazia dupla com Maddie Hayes, interpretada por Cybill Shepherd. Depois do sucesso de “Duro de Matar”, Willis se tornou um dos principais atores de Hollywood. Ele estrelou três sequências da franquia: “Duro de Matar 2” (1990), “Duro de Matar – A Vingança” (1995) e “Duro de Matar 4.0” (2007). Além disso, ainda participou de uma longa lista de filmes como “Pulp Fiction – Tempo de Violência” (1994), “Os Doze Macacos” (1995) e “Armageddon” (1995). Em 1999, ele participou de “O Sexto Sentido”, um filme de suspense indicado ao Oscar, escrito e dirigido por M. Night Shyamalan. O filme foi um grande sucesso de crítica e público e Willis ficou famoso pela frase “Eu vejo pessoas mortas”. Willis também estrelou em outro filme de Shyamalan, “Corpo Fechado” (2000).

De 1987 a 2000, Willis foi casado com Demi Moore, que também se tornou uma atriz de primeira grandeza nos anos 1980 e 1990. Ela participou de sucessos como “O Primeiro Ano do Resto de Nossas Vidas” (1985), “Ghost” (1990), “Questão de Honra” (1992), “Proposta Indecente” (1996), “Striptease” (1996) e “Até o Limite da Honra” (1997). Willis e Moore têm três filhas juntos e continuam amigos após o divórcio. Eles frequentemente apareciam juntos em público com o segundo marido dela, o ator Ashton Kutcher (de quem Moore se divorciou em 2012).

 


Imagem: Gage Skidmore [CC BY-SA 3.0], via Wikimedia Commons