Todos os horários

Hoje na história

24.Nov.1963

Diante das câmeras de TV, Jacky Ruby mata Lee Oswald, o alegado assassino de JFK

Diante de câmeras de TV, jornalistas, policias e outros curiosos, Jack Ruby entrou no subsolo da sede da polícia em Dallas e, com um tiro de revolver .38, matou Lee Harvey Oswald, o suposto assassino do presidente John F. Kennedy. O assassinato aconteceu às 12h20min de um dia como hoje, no ano de 1963, apenas dois dias após a morte de Kennedy, morto a tiros enquanto fazia um desfile de carro aberto nas ruas de Dallas. Oswald estava sendo transferido para uma prisão de segurança máxima quando foi alvejado por Ruby.

Jack Ruby, que era dono de uma boate de Dallas e possuía pequenas conexões com o crime organizado, disse que agiu por sentir raiva do assassino de JFK. Apesar de alguns terem considerado o seu ato heroico, ele foi julgado e condenado à morte. Três anos, depois, contudo, a decisão foi revertida, pois seu julgamento foi considerado injusto. Contudo, em janeiro de 1967, enquanto aguardava um novo julgamento, Ruby morreu de câncer de pulmão em um hospital de Dallas. Apesar de o relatório oficial da Comissão Warren, de 1964, ter concluído que tanto Oswald quando Ruby não faziam parte de qualquer conspiração para matar o presidente e que agiram por motivos pessoais, esta versão é amplamente contestada. Outras teorias indicam que a morte de Oswald seria, na verdade, uma queima de arquivo.

 


Imagem: By Ira Jefferson "Jack" Beers Jr. (1910-2009) for The Dallas Morning News(Life time: Originated from the Warren Commission report, a US Government report. From WH Vol.21 p.19) [Public domain], via Wikimedia Commons