Hoje na história

09.DEZ.1977

Chega a hora da estrela: morre a escritora Clarice Lispector

No dia 9 de dezembro de 1977, o Brasil perdia uma das suas maiores escritoras: Clarice Lispector. Aos 52 anos, ela foi vítima de um câncer após mais de um mês hospitalizada, no Rio de Janeiro. Nascida na Ucrânia, no dia 10 de dezembro de 1920, ela veio ao Brasil ainda bebê. Seu último livro, "A Hora da Estrela", foi publicado em outubro, quando já estava doente. Outros de seus livros conhecidos são "A Maçã no Escuro" e "Laços de Família".

Formada em Direito, nunca seguiu a profissão. Preferiu trabalhar como jornalista no Jornal do Brasil, na década de 1970. Depois, também escreveu no Correio da Manhã e Diário da Noite. Clarice começou a escrever cedo. Aos 19 anos publicou o seu primeiro livro "Perto do Coração Selvagem", em 1944. Dois anos depois lançou "O Lustre". Em 1964, publicou "A Legião Estrangeira", uma coletânea de contos, e o romance "A Paixão segundo G.H". Em 1973, mais um livro "Água Viva", que foi um sucesso de público.

Com estilo único, suas histórias eram dramáticas, por vezes, trágicas. Clarisse influenciou praticamente todas as escritoras que a sucederam. Em sua narrativa, coexistiam de forma harmoniosa conceitos metafísicos, seres e fatos corriqueiros do cotidiano.


Imagem: via Wikimedia Commons