Hoje na história

29.set.2006

Avião da Gol cai após colidir no ar com o jatinho Legacy

Uma das maiores tragédias da aviação brasileira ocorria em um dia como este, em 2006. O Boeing 737-800, da Gol Transportes Aéreos, sofreu um choque no ar com o jato executivo Embraer Legacy 600 e caiu em uma área densa de floresta amazônica na Serra do Cachimbo, a duzentos quilômetros de Peixoto de Azevedo, na região norte do estado de Mato Grosso. Todas as 154 pessoas a bordo do avião da Gol morreram. Já as sete pessoas que estavam no Legacy sobreviveram. A aeronave ficou danificada e fez um pouco de emergência na Base Aérea do Cachimbo, no centro-sul do Pará. 
 
O avião da Gol havia decolado de Manaus com destino a Brasília, no voo 1907. Já o Legacy estava indo para os Estados Unidos, mas teria que fazer uma parada obrigatória em Manaus para cumprir um procedimento alfandegário. 
 
Os destroços do Boeing foram encontrados no dia seguinte, 30 de setembro. Mais de cem homens participaram das operações de busca e, no final deste dia, a FAB divulgou nota à imprensa confirmando que não houve sobreviventes. As buscas pelos corpos foram foram oficialmente encerradas em 22 de novembro quando foram identificados os restos mortais do último passageiro, por teste de DNA.
 
Após um longo e conturbado processo de investigação sobre as causas do acidente, um relatório final divulgado em dezembro de 2008 apontou que vários fatores contribuíram para a tragédia, entre eles uma sequência de procedimentos realizados fora do padrão tanto pelos controladores de voo brasileiros como pelos pilotos do Legacy.
 
 

Imagem: Brazilian Air Force ([1]) [CC BY 3.0 br], via Wikimedia Commons