Todos os horários

Hoje na história

10.Oct.2005

Angela Merkel abre caminho para ser primeira-ministra da Alemanha

No dia 10 de outubro de 2005, Angela Merkel abria caminho para se tornar a primeira-ministra da Alemanha, feito inédito para uma mulher no país. Nascida em Hamburgo, na Alemanha Ocidental, em 17 de julho de 1954, Merkel é formada em física e entrou para a política somente depois de 1989, com a queda do Muro de Berlim. Ela chegou ao comando de uma das maiores economias do mundo pela União Democrata Cristã (da sigla CDU) e pela União Social Cristã da Bavária (CSU).
 
Filha de um pastor luterano e de uma professora, Merkel cresceu em uma área rural, ao norte de Berlim, na antiga Alemanha Ocidental. Estudou física na Universidade de Leipzig, obtendo o doutorado em 1978. Mais tarde, trabalhou como química no Instituto Central de Química-Física da Academia de Ciências (1978-1990).
 
Sua eleição em 2005 foi marcada por um impasse eleitoral, já que tanto Merkel quando o rival Schröder, do Partido Social-Democrata (SPD), estavam proclamando a vitória após as eleições. A partir daí foi realizada uma grande coalizão entre os partidos e, no dia 10 de outubro de 2005, oficiais de ambos os lados indicavam que as negociações haviam sido um sucesso e que o nome de Merkel era o escolhido para o cargo de primeiro ministro. Em troca, o SPD ficou com 8 dos 16 assentos no gabinete. No dia 22 de novembro, ela venceu uma votação no Parlamento para assumir o cargo oficialmente, dando fim a meses de incerteza políticas no país. Merkel conquistou 397 votos dos 614 parlamentares do Bundestag e tomou posse no mesmo dia. Ela ainda se tornaria chanceler da Alemanha e outras duas ocasiões: 2009 e 2013.
 
 

Imagem: Ralf Roletschek (talk) - Fahrradtechnik auf fahrradmonteur.de (Own work) [CC BY-SA 3.0 at or CC BY-SA 3.0], via Wikimedia Commons