Hoje na história

06.nov.1986

Acontece o escândalo chamado Irã-Contras

O escândalo Irã-Contras foi um acontecimento político dos Estados Unidos que veio à tona no dia 6 de novembro de 1986 após uma investigação do Senado dos Estados Unidos sobre o envolvimento de altos funcionários do governo de Ronald Reagan em uma rede de tráfico ilegal de armas vendidas ao Irã, que estava em guerra com o Iraque, em 1985. O dinheiro destas negociações servia para financiar Os Contras nicaraguenses e para a realização de ações terroristas na Nicarágua por causa da participação da Frente Sandinista de Libertação Nacional (FSLN) no governo do país. O aspecto mais sombrio dessa triangulação ficou por conta do uso do dinheiro obtido com a venda de cocaína nos cartéis colombianos para financiar Os Contras. O Congresso dos EUA concluiu que a responsabilidade final no escândalo era de Reagan. A venda de armas para os iranianos era parte de uma negociação para a liberação de reféns norte-americanos no Líbano durante o conflito no Oriente Médio.

 


Imagem: See page for author [Public domain], via Wikimedia Commons