setembro 2017

set 08

Centro de Londres é atacado por dirigível alemão na Primeira Guerra

Em 8 de setembro de 1915, o Zeppelin alemão, de Heinrich Mathy, um dos grandes comandantes deste tipo de aeronave na Primeira Guerra, atacou a área central de Londres, matando 22 pessoas e provocando um prejuízo de 500 mil libras esterlinas.

O Zeppelin, um veículo rígido motorizado, foi desenvolvido pelo inventor alemão Ferdinand Graf von Zeppelin, em 1900. Embora um inventor francês houvesse construído um dirigível décadas antes, o Zeppelin, com sua estrutura de aço, era o maior dirigível construído na história. 

Contudo, no caso do Zeppelin, o tamanho custou a segurança, já que a estrutura de aço era suscetível a explosões porque eles usavam gás hidrogênio altamente inflamável para decolar em vez de gás hélio não inflamável.
 
Os alemães obtiveram um grande sucesso com o Zeppelin entre 1915 e 1916, atacando pelo ar as ilhas britânicas. Em 31 de maio de 1915, o primeiro Zeppelin atacou Londres, provocando a morte de 28 pessoas e ferindo mais de 60. Em maio de 1916, os alemães haviam causado a morte de 550 britânicos com os seus bombardeios aéreos.
 
Um dos pilotos mais famosos do Zeppelin foi Heinrich Mathy, nascido em 1883, em Mannheim, Alemanha. Ele pilotou o dirigível L13, no dia 8 de setembro de 1915, lançando bombas em Aldersgate, na área central de Londres, provocando incêndios e a morte de 22 pessoas.
 
No verão europeu do ano seguinte, Mathy pilotou um novo zeppelin, o L31, na condução de outros ataques contra Londres, nas noites de 24 e 25 de agosto de 1916. Seu dirigível havia sido danificado após o pouso e, enquanto ele estava esperando pelos reparos, Mathy recebeu a informação de que os britânicos haviam produzido uma arma capaz de derrubar os zeppelins, com o uso de balas incendiárias.
 
Pouco tempo após isso, Mathy escreveu de maneira pessimista: "será uma questão de tempo para que nos juntemos ao resto. Todo mundo tem este mesmo sentimento. Nossos nervos estão abalados pelos maus tratos. Se alguém disser que não é assombrando pelas visões de dirigíveis em chamas, esta pessoa não deve passar de um brincalhão". 
 
Sua previsão era verdadeira. Na noite entre 1o. e 2 de outubro, de 1916, o dirigível de Mathy foi atingido e incendiado em Londres. Ele foi enterrado em Staffordshire, em um cemitério construído para o enterro de alemães mortos em solo britânico durante as duas guerras mundiais.
 
08.Set.1915
Ler mais
leer menos

Segunda Guerra: Londres é atacada por foguetes V-2 pela primeira vez

Em um dia como este, no ano de 1944, mísseis V-2 foram lançados pela Alemanha, durante e Segunda Guerra Mundial, contra a cidade de Londres, na Inglaterra. Em vez de um ataque com aviões, como foi o caso da Blitz, os alemães lançaram fogo a partir do continente europeu. No total, as armas V mataram 8.938 civis em Londres e no sudeste.

O V-2 (em alemão: Vergeltungswaffe 2, algo como "Arma da Vingança 2"), era um um míssil balístico de curto alcance, desenvolvido durante a Segunda Guerra Mundial na Alemanha, especificamente para atacar Londres e mais tarde Antuérpia, na Bélgica.
 
Comumente referido como o foguete V-2, o foguete com líquido propulsor foi o primeiro míssil combate balístico de longo alcance do mundo e o primeiro artefato humano conhecido a entrar no espaço sideral. Ele é considerado também o precursor de todos os foguetes modernos, incluindo aqueles usados pelos Estados Unidos e os programas espaciais da União Soviética. Após o término da Segunda Guerra Mundial, os governos norte-americano, soviético e britânico tiveram acesso aos projetos técnicos do V-2, bem como aos cientistas alemães responsáveis pela criação dos foguetes.
 
A arma foi apresentado pela propaganda nazista como uma retaliação aos crescentes bombardeiros contra cidades alemães desde 1942 até a rendição da Alemanha. A partir de setembro de 1944, mais de 3.000 V-2 foram lançados contra alvos aliados durante a guerra, principalmente Londres e, posteriormente, Antuérpia e Liège.
 
08.Set.1944
Ler mais
leer menos

Seriado Star Trek vai ao ar pela primeira vez na TV

O primeiro episódio de Star Trek era exibido na TV norte-americana NBC, em um dia como esse, no ano de 1966. O seriado de ficção científica criado por Gene Roddenberry revela as aventuras da nave estelar USS Enterprise e sua tripulação pelo Universo. 

A história de passa no meio da Via Láctea, aproximadamente nos anos de 2260. A tripulação conta com o comandante James T. Kirk (William Shatner), o primeiro oficial Spock (Leonard Nimoy), e o chefe médico Leonard McCoy (DeForest Kelley). Cada episódio começava com a seguinte introdução:
 
"Espaço: a fronteira final. Estas são as viagens da nave estelar Enterprise. Prosseguindo em sua missão de explorar novos mundos, procurar novas formas de vida e novas civilizações, para, audaciosamente, ir onde ninguém jamais esteve".
 
As séries foram produzidas entre 1966 e 1967 pela Desilu Productions e pela Paramount Television, de 68 a 69. A série Star Trek foi veiculada pela NBC do dia 8 de setembro de 1966 até e de junho de 1969. Embora a produção tivesse iniciado na TV com o nome de Star Trek, mais tarde ela foi renomeada para Star Trek: A Série Original, para se diferenciar de suas sequências e do universo ficcional criado.
 
A audiência de Star Trek não atingiu os índices desejados pela NBC e sua produção foi cancelada após três temporadas e 79 episódios. No entanto, a série teve uma grande influência na cultura popular e se tornou um clássico "cult" durante os anos 1970. Mais tarde, Star Trek gerou uma franquia, formada por outras cinco séries de televisão, 12 filmes, inúmeros livros, jogos, brinquedos e outros produtos.
 
 
08.Set.1966
Ler mais
leer menos