Filtrar

Login

O inicia sesion con...

History Logo
Aplicar

HOJE É O ANIVERSÁRIO DE: 0

El envio se ha realizado con éxito

Cerrar
Enviales que paso el día de tu cumple
  • Josefina Maier
  • Stanislas Wawrinka
  • Alejandro Giardino
  • Paul Simonon
  • Joe Strumer
Enviar

janeiro 2017

18 de janeiro
1778 D.C.

Europeus chegam pela primeira vez ao Havaí

Domingo, Janeiro 18, 1778 D.C.

Considerado o "pai da Oceania", o explorador inglês James Cook chegou ao Havaí em um dia como este, no ano de 1778, tornando-se o primeiro europeu a desbravar esta região, ao alcançar a ilha de Oahu. Dois dias depois, ele desembarcou em...Ler mais

Considerado o "pai da Oceania", o explorador inglês James Cook chegou ao Havaí em um dia como este, no ano de 1778, tornando-se o primeiro europeu a desbravar esta região, ao alcançar a ilha de Oahu. Dois dias depois, ele desembarcou em Waimea, na ilha de Kauai, e nomeou o arquipélago como Ilhas Sandwich, em homenagem a John Montague, que era o conde de Sandwich e um os seus clientes.

Cook e sua tripulação foram recebidos pelos havaianos, que ficaram fascinados pelos navios dos europeus e pelo seu uso do ferro. Cook garantiu, desta maneira, provisões para o seu navio, negociando o metal, enquanto seus marinheiros trocavam pregos de ferro por sexo. Os navios de Cook, em seguida, fizeram uma breve parada em Ni'ihau e se dirigiram ao norte, procurando o extremo oeste de uma passagem a noroeste do Atlântico Norte para o Pacífico. Quase um ano depois, dois navios de Cook retornaram às ilhas havaianas e encontraram um porto seguro no Havaí, na baía de Kealakekua. O explorador inglês ainda retornou uma terceira vez à região, contudo esta viagem lhe custou a vida. Ele morreu em Kealakekua, em 1779, após uma luta com os nativos. A casa de Cook na Inglaterra é hoje um memorial.

 


 

Imagem: John Webber (1751-1793). From: Cook, J. A voyage to the Pacific Ocean ...(London, Strahan, 1784). Atlas. Plate 61 [Domínio público], via Wikimedia Commons

leer menos
1919 D.C.

Começam as complicadas negociações do Tratado de Versalhes

Sábado, Janeiro 18, 1919 D.C.

Em um dia como este, representantes das maiores potências do mundo estavam reunidos em Paris para dar início às longas e complicadas negociações que marcaram oficialmente o fim da Primeira Guerra Mundial. Os líderes dos países vitoriosos -...Ler mais

Em um dia como este, representantes das maiores potências do mundo estavam reunidos em Paris para dar início às longas e complicadas negociações que marcaram oficialmente o fim da Primeira Guerra Mundial. Os líderes dos países vitoriosos - França, Grã-Bretanha, Estados Unidos e Itália - conduziriam a maioria das decisões cruciais ao longo dos próximos seis meses. Durante a maior parte da conferência, o presidente dos Estados Unidos, Woodrow Wilson, sustentou a ideia de uma "uma paz sem vitória" e defendia que a Alemanha, considerada a maior perdedora da guerra, não recebesse punições exageradamente severas. Por outro lado, os primeiros-ministros Georges Clemenceau, da França, e David Lloyd George, da Grã-Bretanha, argumentaram que era preciso punir a Alemanha adequadamente, garantir que o país ficasse enfraquecido e pagasse os enormes custos da guerra.

Representantes da Alemanha foram excluídos da conferência de paz até maio. Quando chegaram a Paris, foram presenteados com um projeto do Tratado de Versalhes. Eles acreditaram nas promessas de Wilson, mas ficaram profundamente frustrados e desiludidos pelo tratado, que tirava da Alemanha uma grande quantidade de territórios. Pior ainda, o artigo 231 forçou a Alemanha a aceitar a culpa exclusiva da guerra.

O Tratado de Versalhes foi assinado em 28 de junho de 1919, cinco anos depois que um nacionalista sérvio assassinou o arquiduque austríaco Franz Ferdinand e provocou o início da Primeira Guerra Mundial. Nas décadas posteriores, a raiva e o ressentimento do tratado e dos seus autores foram crescendo na Alemanha. Extremistas, como o nacional-socialista (nazista) Adolf Hitler aproveitaram este ambiente para ganhar poder, um processo que levou a exatamente o que ninguém mais queria: uma segunda guerra devastadora e global. 

 


 

Imagem: Helen Johns Kirtland (1890-1979) and Lucian Swift Kirtland (died 1965) (US National Archives) [Domínio público], via Wikimedia Commons

leer menos
1535 D.C.

Cidade de Lima é fundada no Peru

Sexta, Janeiro 18, 1535 D.C.

Lima é a capital do Peru, assim como sua maior e mais importante cidade. Está localizada na costa central do Peru, às margens do oceano Pacífico, nos vales dos rios Chillón, Rímac e Turín, e forma uma área urbana contínua com o porto de...Ler mais

Lima é a capital do Peru, assim como sua maior e mais importante cidade. Está localizada na costa central do Peru, às margens do oceano Pacífico, nos vales dos rios Chillón, Rímac e Turín, e forma uma área urbana contínua com o porto de Callao. Foi fundada pelo conquistador espanhol Francisco Pizarro, em 18 de janeiro de 1535, como a Cidade dos Reis. Foi a capital do Vice-Reinado do Peru durante o regime espanhol e, depois da independência, passou a ser a capital da República do Peru. Atualmente, cerca de 26.6% da população peruana vive em sua área metropolitana, aproximadamente 8.447.260 habitantes. 

 


 

Imagem: David Baggins [CC BY-SA 2.0], via Wikimedia Commons

leer menos

Páginas

ESTRADAS MORTAIS

Loading