CAÇADORES DE RELÍQUIAS

Mike Wolfe

Aficionado pela descoberta de objetos, Mike garimpa lixo desde os quatro anos de idade. Ao longo dos anos, ganhou a reputação de ser um dos caçadores de relíquias mais importantes do país, constantemente cruzando todo o território em busca de tesouros esquecidos. Enquanto a maioria vê estábulos velhos e jardins mal cuidados, Mike vê um potencial para uma mina de ouro, repleta de objetos raros e histórias sensacionais.

Mike costuma passar a maior parte de seu tempo viajando, geralmente com Frank Fritz, amigo de mais de 20 anos e parceiro nas garimpagens. “Os caçadores são praticamente nômades”, ele explica. Por onde quer que passem, os dois desenterram quantidades de objetos únicos e passam bastante tempo conversando com os personagens que os possuem.

Mas o que o Mike busca exatamente? “Qualquer coisa que possa dar dinheiro”, ele diz, rindo. O que pode incluir de carrinhos de bebê a vitrolas, carros velhos e pedaços de metal. Seus clientes são decoradores, diretores de arte, fotógrafos e colecionadores. Ele também é dono da Antique Archeology, na pacata cidade de Le Claire, em Iowa, uma loja especializada em antiguidades, artesanato folclórico e outros objetos vintage.

Em sua opinião, os caçadores fazem a parte mais suja do trabalho, e os colecionadores levam todo o crédito. O que não significa que ele seja menos apaixonado pela atividade que escolheu. “Eu amo encontrar coisas”, ele diz.